sexta-feira, 15 de abril de 2011

Arvore monumental - Sobreiro

O projecto Gigantes da Floresta destina-se, como já referi anteriormente, a dar a conhecer as árvores monumentais do país, com destaque para as que se encontram em ambiente florestal e por isso mesmo, as menos conhecidas e com maior tendência para o abandono. Sofro na pele este desconhecimento, principalmente quando se trata de as encontrar. A falta de informação, o desconhecimento ou mesmo a inexistência de quaisquer caminhos não contribuem para a sua divulgação. Este tipo de árvores deveriam figurar num roteiro turístico das regiões. Uma árvore monumental é equiparada a um monumento nacional e por isso digna de ser vista e protegida. Para encontrar este Sobreiro, tive de fazer mais de 20km's em terra batida, nalguns casos areia solta sem saber se o caminho me iria levar ao sítio certo e sem saber se poderia atravessar a ribeira que tinha à frente. Por vezes chega a ser frustrante, estarmos a ver a árvore a 200m e pensar que temos de voltar atrás porque não existe maneira de lá chegar mas felizmente encontrei um ponto de passagem.
Este Sobreiro tem 300 anos e apresenta já alguns sinais de decrepitude. Possui uma grande ferida na parte basal apesar de nunca ter sido descortiçado. O Sobreiro está localizado na margem norte da Ribeira do Dívor junto a uns antigos silos e a uma casa em ruínas. Pode ser visitado nas seguintes coordenadas:
N38º54'00.7" W8º14'44.2"
Monte das Ferrarias, Mora

Sem comentários: